Metrô SP

Estado tem até esta semana para apresentar cronograma da Linha 6-Laranja do Metrô

Dia 9 de fevereiro de 2020. Este é o prazo que o governo do estado tem para apresentar o cronograma de implantação da Linha 6-Laranja do Metrô, um projeto metroviário que deve ligar a Brasilândia até a estação São Joaquim, passando pela Freguesia do Ó, Pompeia, Perdizes, Pacaembu e Bela Vista.

Em novembro de 2019, a Acciona, um conglomerado espanhol do promoção e gestão de infraestruturas e as energias renováveis, anunciou que assumiria as obras da Linha 6, fato confirmado pelo secretário dos transportes metropolitanos, Alexandre Baldy, segundo uma entrevista concedida pelo titular da pasta ao jornal Bom dia São Paulo.

O Estado, por sua, vez, publicou decreto no Diário Oficial no dia 09 de novembro, ampliando novamente o prazo para vigorar a caducidade do contrato de concessão com o Consórcio Move São Paulo. Este novo prazo era de 90 dias, portanto, até o dia 9 de fevereiro.

As obras que estavam a cargo do Move São Paulo, e foram iniciadas em 2015, estão paradas desde 2016, após o consórcio ter problemas para obter financiamentos.

Foto: Adamo Bazani | Diário do Transporte

O projeto

A Linha 6–Laranja é um projeto da Companhia do Metropolitano de São Paulo. Ligará a estação São Joaquim, já existente na Linha 1–Azul, a uma futura estação a ser construída no distrito da Brasilândia. Por passar próximo a diversas faculdades, como UNIP, FMU, FGV, PUC, Mackenzie e FAAP, foi apelidada de “Linha das Universidades”.

O trajeto

Terá 15 km de extensão e 15 estações:

  • Brasilândia
  • Vila Cardoso
  • Itaberaba
  • João Paulo I
  • Freguesia do Ó
  • Santa Marina
  • Água Branca
  • SESC–Pompeia
  • Perdizes
  • PUC–Cardoso de Almeida
  • Angélica–Pacaembu
  • Higienópolis–Mackenzie
  • 14 Bis
  • Bela Vista
  • São Joaquim

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

1 comentário

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • Esperamos que uma solução seja bem apropriada para a pronta retomada das obras, seja ela, com novos sócios ou outra composição. O importante é não perder tempo e achar a melhor saída para esse imbróglio envolvendo caducidade de contrato e disputas jurídicas que nada favorece a população que anseia por transporte de qualidade. Queremos que as interessadas se unam no esforço de aplicar os recursos necessários e por em andamento o projeto. Nós usuários agradecemos o empenho na conclusão o mais breve possível dessa linha e ofereça o melhor serviço com qualidade que São Paulo e seus cidadãos merecem.

Publicidade

Assuntos

Anúncios