Aviação

Catar bate recorde mundial de velocidade em voo de circunavegação

O Qatar Executive, a divisão de jatos particulares da companhia aérea do Oriente Médio, organizou uma exibição documental que comemorou o voo mais rápido de todos os tempos do mundo, em uma rota em circulo:

A rota foi concluída em um tempo de 46 horas e 40 minutos, com um itinerário incluindo três paradas, começando e terminando no Kennedy Space Center, na Flórida. O recorde anterior foi estabelecido em 2008, com 52 horas e 32 minutos.

Fez parte do programa One More Orbit, o ex-comandante da ISS, coronel Terry Virts, e o presidente da Action Aviation, Hamish Harding. Entre a tripulação a bordo do avião estava uma membro da equipe de atendentes do Qatar que se tornou a primeira mulher na história a concluir uma circunavegação polar.

Desde a decolagem nas instalações de aterrissagem da NASA, a aeronave seguiu direto para o Polo Norte, onde iniciou seu ambicioso objetivo. A missão foi dividida em quatro setores; Estação de aterrissagem da NASA na Flórida para Astana, Astana para Maurício, Maurício para Chile e Chile de volta para NASA, Flórida, com paradas em cada local para verificações de manutenção e reabastecimento.

A Aeronave

A missão One More Orbit foi possível graças ao Gulfstream G650ER, um jato executivo de alcance ultra longo. O Qatar Executive é a maior transportadora do mundo a possuir e operar o G650ER, atualmente com seis. Também possui quatro G500 da Gulfstream, três Bombardier Challenger 605, quatro Global 5000 e um Global XRS.

O G650ER pode voar a uma velocidade máxima de 956 km/h em Mach 0,925, alimentado por dois motores Rolls-Royce BR725.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios