Aviação

FAA aguarda correção do 737 MAX pela Boeing

Parlamentares dos Estados Unidos esperam a Boeing envie uma correção de software para o modelo suspenso 737 MAX, de acordo com o chefe interino da Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos (FAA), Dan Elwell.

Durante uma audiência no Congresso, o presidente do Comitê de Transporte e Infraestrutura da Câmara dos EUA disse que a FAA tem que decidir quando o Boeing 737 MAX retorna a operação. “O mundo está assistindo e a FAA e a Boeing precisam resolver“, disse o deputado Peter DeFazio.

O modelo foi suspenso depois que dois acidentes com queda de aeronaves matam 346 passageiros. O FAA só deve autorizar o voo com o modelo quando for “absolutamente seguro fazê-lo… É importante que acertemos”, de acordo com Elwell.

Uma nova reunião entre as autoridades e a fabricante deve ocorrer em 23 de maio, que deve contar a presença com reguladores aéreos do mundo todo para atualizá-los sobre as correções feitas no projeto.

No Brasil, a Gol suspendeu operações com o modelo.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Cadastre-se em nossa newsletter!