Imagem ilustrativa
Rodovia

Motorista é pego após evadir 69 vezes o pedágio da Via Dutra

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), com apoio da concessionária CCR NovaDutra, realizou uma operação nesta semana, na praça de pedágio da Rodovia Presidente Dutra, no km 86, em Pindamonhangaba, e durante a ação foram pegos quatro veículos (um caminhão e três veículos de passeio) pela prática de evasão de pedágios.

Entre os flagrantes feitos pela Polícia Rodoviária Federal, está um caminhão que possui histórico de oito evasões de pedágio e dívida de R$ 479,00 em multas. O veículo foi autuado por utilizar um dispositivo que dificultava a leitura da placa. Um táxi com placa do Rio de Janeiro também foi flagrado por evadir o pedágio 69 vezes, com dívida de R$ 754,00. Ao todo foram abordados 21 veículos durante a operação.

Entre os flagrantes feitos pela Polícia Rodoviária Federal, está um caminhão que possui histórico de oito evasões de pedágio e dívida de R$ 479,00 em multas.
Fonte: Divulgação/Comunicação CCR NovaDutra

A medida é graças a um sistema instalado em câmeras que detecta não apenas as placas, mas também características do veículo como cor e modelo, que são repassadas para a Polícia Rodoviária Federal.

A CCR Nova Dutra realiza o monitoramento das evasões de pedágio ocorridas por meio da coleta de informações nas pistas de passagem automática das cabines da praça, que subsidiam a Polícia Rodoviária Federal nas ações de combate a este tipo de infração.

Os motoristas precisam entender que a evasão pode causar acidentes graves, como colisões traseiras, ao tentar passar pela cabine automática em alta velocidade, além de colocar em risco tanto a vida dos usuários da rodovia quanto a dos colaboradores que trabalham nas praças de pedágio”, explica Diêgo Dutra, Coordenador de Interação com o Cliente na CCR NovaDutra.

Segundo o artigo 209 do Código de Trânsito Brasileiro, “transpor, sem autorização, bloqueio viário com ou sem sinalização ou dispositivos auxiliares, deixar de adentrar as áreas destinadas à pesagem de veículos ou evadir-se para não efetuar o pagamento do pedágio” são consideradas infrações graves. A multa para esses casos é de R$ 195,23, além de cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios