Monotrilho

Assembleia Legislativa quer esclarecimentos sobre troca do monotrilho por BRT no ABC

A Alesp – Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo pede esclarecimentos do Governo do Estado de São Paulo sobre o cancelamento do projeto do monotrilho da Linha 18-Bronze, que atenderia ao ABC Paulista e a capital.

Segundo publicação no Diário Oficial, “no dia 3 de julho de 2019, o governador de São Paulo, João Doria, anunciou a troca do modal da linha 18-Bronze do metrô, cujo contrato de concessão assinado em 2014 com a concessionária Vem ABC, previa a construção de uma linha de monotrilho”.

A assembleia quer saber em qual situação encontra-se a relação com a Concessionária Vem ABC, ou seja, quais tratativas vem sendo realizadas para a sua rescisão, e se houve prejuízo aos cofres públicos em razão da
rescisão unilateral do contrato com a Vem ABC por parte do Governo do Estado de São Paulo, decorrente da decisão pela troca do modal.

A linha 18 ligaria a estação Tamanduateí até São Bernardo do Campo, passando por São Caetano do Sul e Santo André.

No ano passado, o governo Doria anunciou a troca do projeto de monotrilho por um corredor de ônibus do tipo BRT – Bus Rapid Transit. Passado um ano, não foram anunciados mais novidades em relação ao BRT.

Nos últimos dias, foi divulgado que a chinesa BYD teria feito proposta para reativar a linha 18 com monotrilho. O secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, no entanto, em respostas nas redes sociais informou que “não existe mais a Linha 18″, negando a possibilidade de retorno do projeto.

Baldy informou que a Procuradoria Geral do Estado e os comitês dentro do Estado validam a decisão da pasta, alegando que o BRT seria muito mais barato que os trens aéreos.

A Alesp quer esclarecimentos do secretário se valendo do artigo 20, inciso X, da Constituição do Estado de São Paulo, que cabe ao Poder Legislativo fiscalizar e controlar os atos do Poder Executivo, inclusive os da administração descentralizada, assim contribuindo para a transparência e lisura do Poder Público.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

comentários

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • Tem que fazer isso mesmo, se investigarem a fundo vão descubrir muita sujeira. Esse tal de Baldy é um dos sujeitos mais asquerosos que já conheci, lembro até hoje ele mentindo na Live e ainda dando risadinha, safado!

  • Espero que esse BRT não saia do papel e que futuramente seja cancelado. Tomara que a Alesp descubra alguma irregularidade e volte com o projeto do monotrilho. O Dória assinou o atestado de óbito do PSDB.

Publicidade

Anúncios