Aviação

Airbus passa a fornecer aeronaves “sem contato pessoal”

Com o novo cenário mundial frente à pandemia da COVID-19, muitos serviços que requer contato pessoal devem ser repensados, assim como toque em equipamentos públicos. E o setor da aviação já toma as primeiras medidas nesta direção.

A Airbus criou uma nova maneira de entregar suas aeronaves sem exigir contato pessoal, ou diminuir ao máximo a proximidade de seus funcionários aos colaboradores dos compradores.

A empresa introduziu um processo chamado “entrega eletrônica”, onde todas as partes envolvidas de uma venda de aeronave são realizadas sem que ninguém precise viajar. Espera-se que isso permita a aceitação de modelos de uma maneira socialmente distante, algo que beneficiará a Airbus e seus clientes durante a crise sanitária.

“Além de proporcionar um meio de continuidade segura dos negócios durante a atual crise COVID-19, o processo de entrega eletrônica, especialmente seus novos aspectos digitais colaborativos – que conferem maior eficiência ao fluxo de trabalho, flexibilidade, transparência, além de um ambiente mais amigável e suave experiência geral do cliente – pode se tornar o modelo para a Airbus e seus clientes daqui para frente ” – diz a empresa ao site Simple Flying.

Após os trâmites da compra, durante a entrega, a própria companhia aérea pode retirar o modelo, ou podem enviar um terceiro designado para coletar a aeronave higienizada e transportá-la para sua base.

Até agora a Pegasus Airlines recebeu três A320neo com sistema e-Delivered nos últimos dias.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios