Aviação

Aérea de baixo custo dos Estados Unidos pode adquirir 30 Boeing 747-8

Com as encomendas em baixa e com risco de encerrar sua produção, a Boeing pode receber um novo pedido do 747. Uma nova operadora americana está analisando um modelo de negócio de baixo custo, operando apenas uma frota de jumbo.

Uma publicação da EIN Presswire anunciou que a fabricante norte-americana havia recebido uma Carta de Intenção de uma companhia aérea iniciante para a aquisição de 30 novas aeronaves 747-8.

A notícia soa de forma estranha, uma vez que diversas companhias vem aposentando seus 747’s, por aeronaves de dois motores considerados mais eficientes.

O Boeing 747 é uma aeronave a jato usada no âmbito civil e militar para transporte de passageiros e de carga, referida com frequência como Jumbo Jet ou Queen of the Skies (Rainha dos Céus).

A sua corcunda na parte superior frontal da fuselagem faz com que seja uma das aeronaves mais reconhecíveis do mundo, sendo também a primeira do gênero produzida em massa. Fabricada pela Boeing nos Estados Unidos, a versão original do 747 tinha duas vezes e meia mais capacidade de passageiros que o Boeing 707, um dos grandes aviões comerciais dos anos 60.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios