Aviação

Embraer estaria interessada em desenvolver aeronave comercial turboélice

A Embraer estaria interessada no desenvolvimento de uma aeronave comercial turboélice, em concorrência com outros modelos do mercado, como o ATR.

A informação é do site Flight Global, que diz que a medida que o desenvolvimento do programa E-Jets E2 é concluído, a empresa continua a considerar o desenvolvimento de uma nova família de aeronaves turboélice que complementariam os E2s.

“Sinto que a próxima aeronave provavelmente será um turboélice menor”, disse ao FlightGlobal o executivo-chefe da divisão de aeronaves comerciais da Embraer, John Slattery. “Eu provavelmente veria uma família de duas aeronaves…complementando as operações da E2”.

Nos últimos anos, a fabricante recém adquirida pela Boeing tem desenvolvido o programa de E-Jets de 70 a 140 assentos, incluindo quatro variantes de primeira geração e três sucessores, o E175-E2, E190-E2 e E195-E2.

Quando o desenvolvimento da E2 for concluído, os engenheiros e especialistas técnicos da Embraer estarão livres para se concentrar em outros projetos, cuja natureza ainda não ficou clara. O executivo analisa que existe demanda em várias regiões do mundo por um novo turboélice. O número de assentos seria menor que o maior membro da família E2.

“O que poderia ser um lugar de 70 lugares em um mercado no sudeste da Ásia poderia ser um lugar de 50 lugares no mercado dos EUA”, diz Slattery.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios