Foto: Renato Lobo
SPTrans

Orçamento para 2020 prevê implantação de 9,3 km de corredores de ônibus em SP

O projeto de lei das diretrizes orçamentárias de 2020 da cidade de São Paulo, enviado à Câmara Municipal, prevê investimentos de R$ 159,37 milhões em vias para ônibus.

O valor prevê a construção de 9,3 km de novos corredores, além da requalificação de 30,7 km, incluindo as paradas e a modernização de 1,2 km da Avenida Santo Amaro. As quantidades de investimentos ainda depende da avaliação dos vereadores.

Em fevereiro, o prefeito Bruno Covas em uma entrevista, havia afirmado que focaria recursos na manutenção das estruturas existentes.

“A gente resolveu focar na manutenção dos [corredores] atuais. A questão das pontes e viadutos é a ponta do iceberg da ausência de uma cultura de manutenção de equipamentos públicos [a Prefeitura mandou vistoriar mais de 70 estruturas depois que um viaduto na marginal Pinheiros cedeu, em novembro passado]. Hoje a gente tem vários problemas estruturais nos corredores existentes. Então nós vamos fazer corredor novo, só que a maior porcentagem de quilômetros vai ser de manutenção e melhorias nos existentes. A gente está tentando antes de começar uma coisa nova, botar para funcionar a que já existe. Isso vale também para os corredores de ônibus.”

Covas já havia afirmado que não atingiria a meta de implantação das vias, em entrevista ao programa Roda Viva. A meta era 72 quilômetros de vias exclusivas para os coletivos. O prefeito disse que não será possível tirar o projeto do papel por questões relacionadas a falta de recursos.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

1 comentário

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!