Aviação

Boeing adia programa do 777-8, aeronave de ultra longa distância

A Boeing decidiu adiar sua variante 777X de alcance ultra longo, o chamado 777-8. A empresa está em meio a crise do 737 MAX, e ainda com problemas no 777-9, de acordo com publicação da Air Current.

Na quarta-feira, a fabricante norte-americana anunciou que estava atrasando o lançamento da aeronave -8 para focar no projeto maior -9. Inicialmente, o 777-8 deveria entrar em serviço dois anos após o 777-9, em 2022.

Revisamos o cronograma do nosso programa de desenvolvimento e as necessidades de nossos atuais clientes 777X e decidimos ajustar o cronograma”, disse o porta-voz da Boeing, Paul Bergman, à Air Current .

O Boeing 777-8 é a variante menor do programa 777X. Já o -9 deveria iniciar voos de teste este ano, mas problemas com os motores General Electric GE9X acabaram por atrasar o teste. A Boeing assegurou aos clientes que esses atrasos não afetariam o cronograma de entrega.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!