Aviação

Boeing 737-MAX deve voltar a operar no Brasil até o fim do ano, diz ministro

O Boeing 737-MAX deve voltar a operação no Brasil até o final do ano, de acordo com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas. A única companhia que possui a aeronave em sua frota é a Gol.

O modelo ficou aterrado em todo mundo após dois acidentes, um da Lion Air, em outubro de 2018, e o da Ethiopan Airlines, em março deste ano, quando 346 pessoas perderam a vida. A Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) proibiu as operações com MAX no mesmo mês do segundo acidente.

A fabricante está atualizando sistemas da aeronave, e novos treinamentos deverão ser feitos.

“Sim, [deve ser liberado] até o final do ano. A Anac estava à frente das agências do mundo, já exigia treinamento específico para esse equipamento. Era uma coisa que, praticamente, o mundo inteiro não exigia. E a Anac acabou aderindo à onda do mundo inteiro [ao suspender as operações]”, explicou Freitas.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios