Aviação

Suposto defeito em peça da asa pode forçar Boeing a fazer recall em parte dos 737

Uma informação da CNN mostra que a Boeing deve submeter a uma espécie de recall em parte de suas aeronaves do modelo 737, para substituir um componente defeituoso na asa.

A fabricante norte-americana identificou que os trilhos dos slats, que são ficam na parte frontal da asa sendo acionado durante o pouso e decolagem juntamente com os flaps, podem estar com defeito. O problema teria afetado os aviões nas variantes 600, 700, 800 e 900, além do modelo MAX 8.

Os trilhos não atingem os parâmetros de qualidade da fabricante podendo cair ou quebrar antes do período de validade.

A Federal Aviation Administration – FAA anunciou que está preparando um comunicado para que as operadoras americanas façam uma inspeção nos equipamentos.

No Brasil, a Gol opera variantes do Boeing 737.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios