Aviação

Problemas com o motor podem atrasar estreia do Boeing 777X

O voo de estreia do novo Boeing 777-X pode sofrer atrasos por problemas nos motores. Aquele que será o maior jato bimotor do mundo, enfrenta desafios por conta do motor GE9X da General Electric, afirmou um executivo da Boeing nesta quarta-feira, 5 de junho, segundo a agência Reuter.

A fabricante norte-americana está enfrentando problemas de teste no GE9X após atrasos de montagem do equipamento.

O diretor financeiro da fabricante, Greg Smith, disse em uma conferência que a entrada em operação em 2020 ainda era “a suposição atual“, ecoando os comentários do presidente-executivo Dennis Muilenburg na semana passada.

Há alguns desafios pelos quais eles estão trabalhando nos testes. Então, estamos tendo que fazer alguns testes, e eles estão trabalhando nisso.” disse Smith.

Os novos componentes são testados durante a noite. O motor está em testes desde 2013, sendo que a GE utilizou modernos processos de fabricação, incluindo impressão 3D, para fabricar componentes a partir de materiais que simplesmente seriam impossíveis no passado. 

O modelo 777-X realizaria seu voo de estreia no dia 26 de junho pela Emirates, de acordo com o presidente da Companhia Tim Clark, em coletiva de imprensa ocorrida na Coréia do Sul. A feira é usada por companhias aéreas e fabricantes de aeronaves para segmentar pedidos e vendas e torná-las públicas.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios