Aviação

American Airlines estende restrições ao Boeing 737 MAX até setembro

A American Airlines cancelou seus voos com o modelo Boeing 737 MAX até 3 de setembro de 2019, o que deve afetar aproximadamente 115 voos por dia. Anteriormente a companhia havia cancelado seus vôos com a aeronave até 15 de agosto.

Os passageiros serão remarcados para outros voos ou então será oferecido um reembolso. O aterramento do 737 MAX atingiu a American Airlines com força. Estava voando 24 MAXs antes do aterramento. Esses 115 voos diários representam apenas 1,5% do total de voos diários da American, mas os cancelamentos, o reescalonamento e os níveis de insatisfação dos passageiros são uma dor de cabeça logística e financeira para qualquer companhia aérea.

O recente problema com o MCAS (Sistema de Aumento de Características de Manobra) está no centro das discussões do Boeing 737- MAX, depois de dois acidentes ocorridos em aparelhos com os voos da Lion Air e Athiopian Airlines, matando cerca de 346 passageiros.

Já a Boeing disse em um comunicado que continua “a trabalhar com reguladores globais para prover a informação de que precisam para certificar a atualização do MAX e de seu material de treinamento e assim retornar a frota ao serviço com segurança”.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!