Aeronave sobrevoando a Cordilheira dos Andes | Foto: Renato Lobo
Aviação

Chile rejeita acordo da Latam com American, British Airlines e Iberia

Um acordo comercial entre as companhias Latam Airlines, American Airlines, British Airways e Iberia Airlines, acabou sendo rejeitada pela Suprema Corte do Chile.

A decisão ocorre depois de dois anos que as Aéreas anunciarem planos. Havia expectativa que os acordos reduziriam custos e coordenar preços, mas havia o temor de que a medida poderia resultar em práticas anticompetitivas.

O grupo chileno de defesa do consumidor Conadecus, foi a justiça contra a aprovação regulatória inicial em outubro, por conta de temor do aumentar preços de passagens e diminuir a qualidade dos serviços nas rotas.

A Associação Chilena de Agências de Turismo (Achet), disse em um comunicado que a medida poderia prejudicar a livre concorrência por conta da alta concentração de rotas do país para Europa e Estados Unidos, e que a medida afetaria o setor.

Já a Latam em outro comunicado diz lamentar que o usuário não possa se beneficiar de praticas globais.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios