Aviação

Empresas aéreas proíbem Galaxy Note 7 em voos

Um problema com a fabricação de aparelhos celulares Galaxy Note 7, fez com que as empresas aéreas Virgin Australia, Qantas e Jetstar, na Austrália, proibissem que passageiros utilizem esses smartphones durante os voos.

A Samsung interrompeu as vendas do Galaxy Note 7 e anunciou um recall dos aparelhos vendidos. “Seguindo o recall da Samsung na Austrália do Galaxy Note 7, nós estamos solicitando que passageiros que possuam um, não o liguem ou o recarreguem enquanto estiverem a bordo”, afirmou um porta-voz da Qantas, grupo proprietário da Jetstar.

A fabricante diz ter recebido 35 relatos de casos em os celulares pegaram fogo quando eram recarregados. Só na Austrália, a Samsung contabilizava em mais de 51 mil os aparelhos que seriam alvo do recall. Em todo o mundo, estima-se 2,5 milhões de Galaxy Note 7 vendidos.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios