São Paulo

Alckmin sanciona Passe Livre Estudantil para Metrô, CPTM e EMTU

METRÔ-6

O governador Geraldo Alckmin sancionou nesta quinta, 19, o Passe Livre Estudantil para Metrô, CPTM e EMTU. O benefício é direcionado a alunos da rede pública e jovens da rede privada que comprovem renda familiar per capita de até 1,5 salário mínimo nacional (R$ 1.182).

O passe livre será concedido mediante cadastro enviado pela instituição de ensino e declaração de comprovação de renda do aluno. Por mês, os estudantes beneficiados terão direito a 48 viagens gratuitas, que deverão ser usadas dentro do próprio mês de concessão.

“São quase 700 mil estudantes que serão beneficiados. É uma medida socialmente justa e de grande estímulo para a educação. E estará em vigor a partir de amanhã”, disse o governador.

Para o Metrô e CPTM a medida já vale imediatamente. Para a EMTU a media valerá a partir de 30 dias devido a adequação do sistema.

No caso do sistema metroferroviário, o benefício da gratuidade será operado pelo Sistema de Cartão Bilhete Único, expedido pela SPTrans.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios