CPTM

Trem pega fogo na Linha 10 da CPTM

Na tarde desta quinta-feira (19) mais um trem da série 2100 da CPTM pegou fogo na Linha 10-Turquesa, que liga a estação Brás até o Município de Rio Grande da Serra, passando pelo ABC. O incidente foi na estação Ribeirão Pires, e fez com que a linha ficasse com restrições entre 17h15 e 21h15. A CPTM apura as causas.

A imagem a seguir é de Marcio Prado, e mostra a confusão dos passageiros ao saírem do trem:

Histórico de problemas

Desde 2013, pelo menos 8 composições que servem a linha 10 apresentaram problemas que envolve superaquecimento. Em 20 de novembro de 2013 uma ocorrência deste tipo nos freios de um trem paralisou o funcionamento da linha que liga o Brás a região do ABC. Em janeiro de 2014, após apresentar um problema, outro trem pegou fogo na estação Mauá.

Meses depois outra composição da série 2100 pegou fogo na cidade de Rio Grande da Serra. Já em outubro, em uma semana outros dois trens da Linha 10 tiveram a mesma ocorrência. Em 20 de novembro, novamente uma composição que circulava entre as estações Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra apresentou um princípio de incêndio.

10685514_376028505883585_2132502907346549087_n

Série 2100

Os trens da série 2100 foram fabricados pela CAF e adquiridos pela CPTM no final dos anos 90. Foram produzidos na Espanha em 1975. Na época em que foram adquiridos pela CPTM, foram os primeiros equipados com ar condicionado. Rodaram durante um período de testes na Linha 11 – Coral (antes Linha E – Laranja), entre Corinthians – Itaquera e Guaianazes. Também prestaram serviços na Linha 12 – Safira e na Linha 9-Esmeralda.

A CPTM está em processo de compra de 65 novas composições. Em outubro de 2014 perguntamos para a CPTM se a Linha 10 será contemplada com a compra. Segundo a Companhia, todas as seis linhas devem receber os trens “de acordo com a necessidade operacional”. As primeiras unidades começam a ser entregues em 2015. Na mesma ocasião, a companhia disse que todos os trens passam por manutenções periódicas.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios