Governo quer PPP de Trens Intercidades para 2017

O Secretários dos Transportes Metropolitanos de São Paulo, Clodoaldo Pelissioni, deu prazos otimistas para lançamento de uma Parceria Público Privada – PPP que contempla a construção dos tão esperados trens intercidades, até o final de 2017. As declarações foram dadas durante debate sobre o projeto realizado na Câmara dos Deputados, em Brasília.

A malha de trens ligaria as cidades de Campinas, Vale do Paraíba, Baixada Santista, Sorocaba e São Paulo com atendimento de composições que correriam a 160 quilômetros por hora.

A rede poderá ser licitada por trecho, e segundo o secretário, o de Americana a São Paulo, com 135 quilômetros de extensão e custo de R$ 5,4 bilhões, será o primeiro, atendendo a uma demanda estimada de 60 mil passageiros por dia. “O fato também de termos o Aeroporto de Viracopos, que será o maior aeroporto do Brasil, maximiza o projeto”, afirmou Pelissioni.

O trecho prioritário usuária a malha existente com algumas adaptações, inclusive em estações. A ferrovia seria compartilhada entre a concessionária do trem regional, de cargas e a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM. O ponto inicial será na estação Água Branca, ponto de conexão com ferrovias metropolitanas e com a futura Linha 6-Laranja do Metrô.

Com as informações de Correio Popular


Autor: Renato Lobo

Ler todos os posts

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.