Foto: Renato Lobo | Via Trolebus
Metrô SP

Baldy dá indícios que frota E do Metrô poderá ser aposentada

De todos os cerca de 142 trens em operação no Metrô de São Paulo, nas linhas 1-Azul 2-Verde e 3-Vermelha, onze deles não possuem ar-condicionado. Trata-se das composições da frota E, que atualmente prestam serviços no eixo metroviário que liga o Jabaquara e o Tucuruvi. Os TUEs fabricados pela Alstom entre os anos de 1996 e 1999 poderão ser desativados, já que não contam com os refrigeradores.

O secretário dos transportes metropolitanos, Alexandre Baldy, em uma reposta nas redes sociais, informou que com a aquisição de 44 novos trens, “logo não teremos mais composições sem ar-condicionado“:

O fim da linha para as composições não é necessariamente uma novidade. No começo de 2019, o presidente do Metrô, Silvani Pereira, já tinha afirmado que era estudado a aposentadoria da frota. Outra alternativa seria a reforma dos carros, mas ao processo acabou saindo mais caro para a empresa, do que se o Metrô tivesse comprado novos trens.

Pátio Jabaquara | Foto: Renato Lobo

De última geração a obsolescência

Em 1991, a Companhia do Metropolitano de São Paulo realizou o processo de licitação nº 00800310 para a compra de 67 trens de 6 carros, sendo que 45 unidades iriam para a Linha Vila Madalena-Vila Prudente e outros 22 comboios, sendo 16 para complementação de frota da Linha 3 e 6 para a expansão Itaquera-Guaianases.

A licitação foi vencida pela Mafersa, no entanto a empresa nunca conseguiu fabricar os trens, pois faliu em meio a uma grave crise econômica. No entanto, parte do contrato (lote II) permaneceu válida. A Alstom retomou a fabricação de 11 trens do Lote II em 1996, tendo sido entregues em setembro de 1999.

Durante 10 anos, até 2009 quando foi entregue o primeiro trem da frota G, as unidades da frota E eram as mais modernas na companhia, e um tempo em que a empresa era servida pelas séries A, C e D.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

comentários

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios