Aviação

Peças do último Airbus A380 que será montado são transportadas na frança

A maior aeronave de passageiros do mundo está no fim da linha, pelo menos em sua produção. As últimas peças da fuselagem do Airbus A380 deixaram as instalações da Airbus em Saint-Nazaire na semana passada. Foram levadas para montagem final do fabricante em Toulouse, e fará parte do último superjumbo que saíra de produção em 2021, apenas 16 anos após o primeiro voo do avião de dois andares.

A decisão de encerrar a produção foi tomada em fevereiro de 2019, depois que a Emirates, o maior e também o cliente final do A380, reduziu um pedido em 39 aeronaves. O fabricante e a companhia aérea concordaram em trocar por 40 A330neos e 30 A350s.

O primeiro A380 foi entregue à Singapore Airlines em outubro de 2007. Desde então, 242 foram entregues com um total de 251 pedidos firmes. A produção terminará oficialmente em 2021.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios