Aviação

Levantamento mostra que já há 14 mil aeronaves aterradas. A380 e 747 mais atingidos

Levantamento do site Flight Global da conta de que mais de 14.000 aeronaves já estão armazenadas em todo o mundo, fruto da crise que atinge o setor, por conta das restrições de viagens causadas pela pandemia da COVID-19.

A publicação cita dados da Cirium, e revela que apenas 2% dos A380 e menos de 10% dos Boeing 747 estão voando atualmente.

Em 15 de abril, o número total de aeronaves de passageiros da Airbus e da Boeing em operação com companhias aéreas era de 7.635, com a frota inativa aumentando para quase 14.400 aeronaves. Os dados revelam que a menor frota ativa, como proporção da contagem geral, é o A380, com apenas quatro das 239 aeronaves com companhias aéreas em operação.

Já o Boeing 747, tem apenas 17 aeronaves voando, tendo a Lufthansa como a principal operadora, enquanto a Air China, British Airways e Wamos Air também ainda possuem aeronaves deste tipo em serviço.

Já aviões menores, o 757 é o que tem o maior número de aviões aterrados, contando com apenas 18% em serviço (71 aeronaves).

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios