Foto: Felipe Claros
Monotrilho

Monotrilho da Linha 15 amanhece com quarto dia de interdição após problema em pneu

Nesta terça-feira, 3 de fevereiro de 2020, a Linha 15-Prata amanheceu inoperante, e todas suas estações estavam fechadas.

O problema persiste, após uma avaria em um pneu, e todas as composições tiveram que ser paralisadas desde o sábado, 29 de fevereiro. Não há previsão de retorno da operação.

O Metrô solicitou à SPTrans 60 ônibus articulados para o sistema PAESE, que cobrem o trecho entre São Mateus e Vila Prudente.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

comentários

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • Acho que São Paulo foi usado como cobaia para um monotrinho operar em longas distâncias e grande capacidade de passageiros .Cidade de grande porte e até o momento o Monotrilho está reprovado desde sua construção, caro, esteticamente e agora operacionalmente, não aguenta grande fluxo em longas distâncias. Com o dinheiro já gasto poderia ter feito no mínimo 8 kms de Metrô como a linha 5 Lilás.

    • Monotrilho está reprovado por quem? Eu sou usuário do sistema e visualmente é muito bonito, a ciclofaixa abaixo dele é muito útil e muita gente passeia por lá. Ele é cheio sim, mas esse é um problema cuja solução não passa apena por disponibilizar linhas de metro e ônibus por ai.

      Sinceramente ele faz falta.

      Renato, vi que fez uma live no youtube, na próxima tenta avisa antes geral.
      Gostaria de ter participado!

  • Está difícil, quem sofre é sempre o trabalhador. Até agora não vi nem o prefeito e nem o Governador de São Paulo se pronunciando a respeito do caso.
    Porque não são eles que utilizam o transporte público né?

Publicidade

Assuntos

Anúncios