Aviação

Bombardier suspende a produção de aeronaves e trens

A Bombardier deve interromper a maioria de suas operações no Canadá, além de sua unidade de aeroestruturas em Belfast, Irlanda do Norte, para frear a propagação do coronavírus. A interrupção será já nesta quarta-feira, 24 de março, com previsão de durar até o dia 26 de abril.

A produção de aeronaves e trens da empresa em ambas as localidades será afetada. Os funcionários da linha produção atingidos pelo desligamento temporário serão dispensados ​​no período.

A equipe de liderança sênior da empresa também não receberá remuneração durante o período, enquanto o conselho de administração concordou em renunciar à remuneração pelo restante de 2020.

“Desde o surto de coronavírus, a empresa tem se concentrado em manter nossos funcionários em segurança, atendendo nossos clientes da melhor maneira possível durante esses momentos difíceis e adotando as ações necessárias para proteger nossos negócios a longo prazo”, diz o presidente da Bombardier, Pierre Beaudoin.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios