Aviação

Empresas Aéreas Brasileiras são multadas pelo Procon por cobrança em assentos

Empresas Aéreas Brasileiras foram multadas pelo Procon por cobrarem antecipadamente pela escolha de assento de voos. É o caso da Azul, Gol e Latam Brasil que devem pagar juntas, R$ 6,9 milhões.

“A cobrança está em desacordo com o Código de Defesa do Consumidor, que determina que é abusivo elevar sem justa causa o preço de produtos ou serviços. A conduta gera um aumento no preço total do serviço sem que nenhuma contraprestação seja oferecida ao consumidor, como, por exemplo, comodidade, maior espaço físico ou outra”, diz o Procon.

A Latam informou em um comunicado que o trata-se de “um serviço opcional” e que prestará os esclarecimentos necessários ao órgão quando que for notificada.

Já a Gol disse que a marcação do assento “pode ser realizada de forma totalmente gratuita com 48 horas de antecedência do voo”.

A Azul afirmou que “caso o cliente não tenha interesse em reservar um assento específico de maneira antecipada, é possível realizar a marcação, indistintamente e sem qualquer cobrança adicional, a partir de 48 horas antes da data do voo”.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios