Aviação

Voo de 20 horas poderá ter creche e academia

Um voo de 20 horas, que ligaria Londres a Sydney, se tornaria o maior do mundo e é isso o que a Qantas Airways planeja transformar em realidade logo.

Alan Joyce, CEO da aérea, disse que as fabricantes Boeing e Airbus já conseguiram desenvolver uma aeronave para este longo trajeto.

O projeto, denominado Project Sunrise, envolve a criação de uma aeronave com capacidade para 300 passageiros e que compartará combusível disponível para emergências e ventros contrários imprevistos.

Caso o projeto saia do papel, em 2022, é possível imaginar outras grandes rotas mundiais ligando a Austrália.

O avião, que vem sendo desenvolvido, poderá ter espaço para beliches, creche e ginástica.

Sobre o autor do post

Caio Lobo

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.

Publicidade

Assuntos

Anúncios