Aviação

Por que as luzes do avião são reduzidas na aterrissagem e decolagem?

Foto: Toby/ Flickr/ Creative Commons

Por que quando o avião está decolando ou aterrissando, durante a noite, as luzes de dentro da aeronave são reduzidas? O site UOL resondeu esta questão:

Nada mais é que um procedimento de segurança adotado pelas companhias aéreas. Caso haja necessidade de uma evacuação de emergência, a nossa visão já esta acostumada para enxergar melhor.

Por exemplo, quando apagamos a luz em um quarto, demoramos um tempo até nossa visão se ajustar onde está cada coisa.

O “ajuste” acontece graças a alguns mecanismos da visão. Nossos olhos “sentem” a intensidade da luz usando dois tipos de células: bastão e cone de retina. A primeira percebe imagens em preto e branco e funciona melhor com pouca luz. Já as células cone percebem a cor na luz intensa.

Dentro dos bastões existe a rodopsina, uma substância usada para absorver fótons e perceber a luz. Quando uma molécula de rodopsina absorve um fóton, ele se divide em outras duas moléculas.

Quando o ambiente fica escuro, essas duas moléculas voltam a se juntar, mas isso leva alguns segundos. É por isso que nossa visão demora um pouco para se acostumar.

Sobre o autor do post

Caio Lobo

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!