São Paulo

Acidentes nas Marginais custaram R$ 189 milhões à sociedade

Os acidentes registrados nas Marginais Pinheiros e Tietê custaram nos últimos três anos à sociedade R$ 189 milhões, segundo estimativas da prefeitura de São Paulo. O estudo foi feito usando como base dados da pesquisa do Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (Ipea) de 2003 sobre o custo dos acidentes de trânsito em conglomerados urbanos, atualizado com base na inflação acumulada no período.

A pesquisa leva em conta a perda material dos veículos além do que é gasto com o resgate e tratamento médico das vítimas, e também da perda de produtividade de mortos e feridos. O estudo foi entregue à Justiça para defender a redução das velocidades máximas nas marginais.

As informações foram contestadas pelo presidente da Comissão de Trânsito da OAB, Maurício Januzzi, que diz que os dados “se baseiam em um dado antigo. De 2003 para 2015. É muito tempo, e outros fatores estão envolvidos nos custos.”. A OAB move uma ação na justiça para tentar reverter a medida.

Já o presidente do Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas do Estado de São Paulo (Setcesp), Manoel Souza Lima Junior, diz que “os roubos vão aumentar” e que a redução aumentaria os custos. “Com a queda da velocidade será preciso mais viagens, o que aumentará o frete.”

Com as informações de Estadão

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios