Internacional Metrô SP

Metrô de Xangai chega a marca de 567 quilômetros de extensão

Já pensou em uma metrópole servida com mais de 500 km de linhas de Metrô? Na certa, este é o sonho de qualquer paulistano, mas os moradores de Xangai agora podem se orgulhar desta marca: Nesta semana, maior cidade da República Popular da China com seus mais de 20 milhões de habitantes, chega a um novo recorde, com a abertura das linhas 12 e 16. É um dos poucos sistemas de metrô do mundo com comprimento total superior a 500 quilômetros.

O metrô de Xangai carrega em média de 6,7 milhões de passageiros por dia (dados de 2012). O sistema é formado tanto por trens subterrâneos quanto por linhas de superfície.

Shanghai_metro_line_2_people's_square_station

Diferentemente dos sistemas brasileiros, as tarifas do metro de Xangai são cobradas de acordo com a distância transportada. Em 15 de setembro de 2005, quando o governo de Xangai decidiu elevar o preço das passagens, as tarifas variavam de 3 yuans (aproximadamente USD $0,375) para jornadas abaixo de 6 km, a 8 yuans por viagens acima de 46 km. Para a maioria das linhas, a tarifa padrão é 3 yuans por jornadas superiores a 6 km, e então 1 yuan adicional para cada 10 km a mais. Em Abril de, 2008, a maior tarifa estava em 9 yuans.

Para a segurança dos passageiros, portas de vidro vêm sendo instaladas nas plataformas. Nos próximos anos, serão adicionados mais 230 quilômetros, extensão superior à do metrô de Paris.

Em outras partes do mundo, as redes de Metrôs possuem grandes extensões, como Londres com seus 400 quilômetros, e Nova York, 337 quilômetros. Aqui em São Paulo, nos amargamos com nossos míseros 74 km (não considerando o serviço da CPTM). Se nosso sistema cresceu nas últimas décadas cerca de 1,5 km por ano, o de Xangai foram 24,3 quilômetros e 16,2 estações inaugurados a cada ano. Só em detalhe: O sistema Chinês foi inaugurado em 1995 e o nosso em 1974.

mapa-sp-xangai

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios