VLT

Rio mostra interesse em VLTs parados de Cuiabá

Os Veículos Leves sobre Trilhos – VLT que estão parados na Região Metropolitana de Cuiabá podem ir parar no Rio de Janeiro. De acordo com o jornal “A Gazeta“, representantes do governo de Mato Grosso apresentaram os trens do VLT para uma comitiva da Prefeitura do Rio de Janeiro, com o objetivo de firmar um acordo para vender os trens para a gestão do prefeito Eduardo Paes (PSD-RJ).

“Nós fomos conhecer o VLT e ficamos impressionados com o que vimos. Estão bastante conservados”, disse o secretário municipal de Coordenação Governamental do Rio, Jorge Luiz Arraes.

A decisão de comprar deve ocorrer após estudos técnicos do Rio, que conta atualmente com uma rede e três linhas que operam no centro da cidade.

TCE nega pedido de volta do VLT em Cuiabá

Em mais um capitulo da troca do Veículo Leve sobre Trilhos – VLT de Cuiabá por ônibus, o Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso (TCE-MT) negou o pedido da administração municipal para suspender a licitação do corredor de ônibus.

O TCE diz que o VLT é impagável, já precisaria transportar, em média, 16 milhões de passageiros. “Não tem gente para isso na população de Cuiabá”, afirma o conselheiro relator do caso, Valter Albano.

Já que existe uma decisão do Tribunal de Contas da União – TCU, o governo de Mato Grosso disse que a nova decisão do TCE não viabiliza a retomada das obras do corredor de ônibus.

Na semana passada, o TCU havia afirmado que suspender o VLT seria uma decisão que não foi baseada em uma avaliação sistêmica e integrada.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

1 comentário

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios