CBTU

Governo Federal deve conceder o Metrô de BH em 2022

O governo federal tem planos de enviar ao Congresso Nacional um projeto de lei pedindo reserva orçamentária para viabilizar o início da privatização da Companhia Brasileira de Trens Urbanos – CBTU, segundo o jornal Valor Econômico. Haverá uma divisão da estatal e o metrô de Belo Horizonte, sob um novo CPNJ, será o alvo da primeira desestatização – no primeiro trimestre de 2022.

A empresa que vai assumir o sistema metroviário na capital mineira deverá investir R$ 3,8 bilhões na modernização dos trens e na construção da linha 2 (Calafate-Barreiro), com previsão de entrega em 2027. Haverá a compra de novos trens.

O resto da CBTU

A CBTU ainda opera em Recife, João Pessoa, Maceió e Natal. Além de Belo Horizonte, o Ministério da Economia, de acordo com a publicação, vê alguma possibilidade de privatizar ainda o sistema de Recife até o fim de 2022, mas reconhece que o calendário está ficando apertado.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios