Foto: Diego Torres Silvestre
Metrô SP

Metrô de SP deve aceitar pagamento de tarifa em cartão por aproximação

O Metrô de São Paulo poderá ser pago por meio de cartão por aproximação até o fim do ano, é o que prometeu o presidente da estatal, Silvani Pereira, durante um fórum realizado nesta terça-feira por emissoras de TV e Rádio.

Desde dezembro, o passageiro pode usar o aplicativo Top, onde é possível adquirir os bilhetes por meio de cartão de crédito e débito, e assim como a aquisição pelo modo de papel, a passagem deve ser usada em 72 horas.

O Bilhete Digital QR Code é aceito em todas as estações da CPTM e do Metrô”, diz o site da empresa do app. O limite é de 10 bilhetes por transação.

Fim das bilheterias

A ferramenta deve tirar gradativamente de operação os antigos bilhetes, e de acordo com o presidente do metrô, Silvani Pereira, nas redes sociais, as tradicionais bilheterias serão desativas. Silvani afirmou ainda que não haverá demissões.

“O uso já em definitivo. As bilheterias serão desativadas a medida que os passageiros aderirem ao uso de smartphones, compra via ATM ou compra na rede credenciada. Todas os empregados do Metrô que atuam na comercialização nas bilheterias serão migrados para outras atividades sem prejuízo funcional” – disse Silvani.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios