Trens Urbanos

Salvador se despede de trem de passageiros que operou desde 1860

O Sistema de Trens do Subúrbio de Salvador encerrou suas operações no último sábado. No lugar, deve ser construído um sistema de monotrilho. Foram um pouco mais de 160 anos de serviços prestados.

A ferrovia foi inaugurada em 28 de junho de 1860 pela empresa inglesa Bahia and San Francisco Railway Company (em português, Estrada de Ferro da Bahia ao São Francisco), mais tarde passou a compor a Viação Férrea Federal Leste Brasileiro (VFFLB), e depois fez parte da Superintendência Regional 7 (SR-7) da Rede Ferroviária Federal (RFFSA).

O sistema que foi suprimido era administrado pela empresa estatal Companhia de Transportes do Estado da Bahia (CTB). O trajeto total era de 13,5 quilômetros, entre os terminais na Calçada e em Paripe, é composto por dez estações, de ponta a ponta.

A tarifa do sistema custava 50 centavos de real desde setembro de 2002, existindo a meia passagem para estudantes no valor de 25 centavos de real. A espera entre cada comboio era de 40 minutos e a viagem entre os extremos da linha dura meia hora. O movimento diário de passageiros era em 17 mil passageiros (julho de 2016), por conta da precarização do serviço, que antes conta com 30 mil passageiros diários.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios