Metrô SP

Em relatório, Metrô estabelece meta para operação assistida da Linha 6-Laranja

Nos últimos meses e anos, o Relatório de Empreendimentos do Metrô não informava um prazo concreto para o início da operação assistida na Linha 6-Laranja, quando os trens devem passar a transportar passageiros, mas em horários reduzidos para finalização de testes. Apesar de ser contratada em 2013, a obra ficou parada de 2016 até 2020 após a primeira operadora e construtora ter tido problemas em executar os projetos.

Mas, o documento mais recente postado no site da operadora mostra enfim a estimativa dos trens operarem entre Brasilândia e São Joaquim: em 2025. O cronograma não é nenhuma novidade, já que a data já havia sido informada por representantes do governo estadual.

Foto: Adamo Bazani | Diário do Transporte

Inaugurações sem entregas parciais

Em um comunicado ao UOL, a Acciona, responsável pela construção e operação do ramal, disse que o eixo de transporte será entregue de uma só vez. Outra novidade é que as escavações devem mesmo iniciar no ano que vem:

“[A obra] será concluída em cinco anos, sem entregas parciais. A equipe contratada já realiza gradualmente o trabalho de limpeza dos canteiros que estavam abandonados. Em 2021, com o início das escavações, a maior parte das futuras estações estará com alguma atividade.” –  diz trecho da publicação que fala sobre problemas nos canteiros centrais.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios