Foto: Metrô
Monotrilho

Metrô conclui primeiro pilar da extensão do monotrilho da Linha 15 após Jardim Colonial

O Metrô de São Paulo concluiu o primeiro pilar da extensão do monotrilho da Linha 15-Prata após a futura estação Jardim Colonial, no eixo que será instalado para área de manobra dos trens. A informação foi postada nas redes sociais do presidente da empresa, Silvani Pereira, nas redes sociais. O novo equipamento deve dar agilidade à operação das composições.

Previsão para o ano que vem

A Estação Jardim Colonial será a 11º parada da Linha 15-Prata, com previsão de inauguração para o segundo semestre de 2021. O novo ponto de embarque deve elevar a demanda do eixo de transporte para 400 mil passageiros diários.

Até Jacu-Pêssego com promessa para 2024

A expansão do monotrilho da Linha 15-Prata entre Vila Prudente e Ipiranga, e entre Jardim Colonial e Jacu-Pêssego, entraram pela primeira vez no Relatório de Empreendimentos do Metrô, datado do mês de agosto. Junto com as extensões, há também menção ao Pátio Ragueb Chohfi, e os prolongamentos estão previstos para 2024, de acordo com o documento. Se a meta (otimista) for concluída, a Linha 15 passará a ter 14 estações, e deve receber um movimento maior de passageiros.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios