Tecnologia

Lime deixar de operar em São Paulo e mais 11 cidades

A empresa americana de patinetes, Lime, anunciou nesta quinta, 9, que está encerrando suas operações em São Paulo e no Rio de Janeiro.

O serviço terá redução gradual até a retirada completa. Em São Paulo o atendimento deve ser encerrado completamente em alguma semanas e no Rio nos próximos meses.

A saída ocorre também das cidades de Buenos Aires, Montevidéu, Lima e Bogotá, na América Latina, e de Atlanta, San Diego e San Antonio, nos EUA.

“Como parte de uma estratégia global para alcançar sustentabilidade financeira, a Lime tomou a difícil decisão de finalizar a operação no Brasil, assim como em outras cidades da América Latina e em outras regiões, para concentrar recursos em mercados que nos permitam atingir nossas ambiciosas metas para 2020”, disse a filial brasileira da empresa, em nota.

Somos gratos aos membros da nossa equipe, usuários, Juicers [responsáveis por recarregar as patinetes] e toda comunidade que nos apoiaram durante essa jornada. Esperamos poder retornar a operação Lime em uma hora mais oportuna”, prossegue o comunicado.

Com a saída da Lime de São Paulo, segue em operação na cidade os patinetes da Grow, que possui as marcas Yellow e Grin.

Sobre o autor do post

Caio Lobo

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios