Foto: Renato Lobo
CPTM

Trem da série 7000 é usado para treinamento na Linha 10-Turquesa da CPTM

Um trem da série 7000 esteve nos últimos dias no pátio Mauá, pertencente a Linha 10-Turquesa da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM para treinamento dos operadores, o que reforça a informação de que a ferrovia que liga o Brás até Rio Grande da Serra, deve receber novos comboios mais novos.

Conforme informamos neste post, a Linha 10 deve receber um reforço de composições da série 7000 vindos da Linha 9-Esmeralda, esta que por sua vez deve receber trens da série 8000 vindos da Linha 8-Diamante.

Segundo publicação do site Metrô/CPTM, dos 36 trens disponíveis para a Linha 8-Diamante, apenas cerca de 20 são usados.

Já as composições da série 2100 devem sair de cena.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

comentários

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • E aí Renato.. blz? Sou do interior, gosto do tema de mobilidade urbana, acredito que as ações tomadas nessa área afetam milhões de pessoas todos os dias, principalmente em SP, que ainda é muito carente desses serviços. Sou leigo, mas gosto de ler e ficar por dentro dos assuntos, seu canal é muito interessante, e tem conteúdo relevante. Gostaria de interagir mais e trocar idéias sobre os temas de mobilidade urbana com vocês.

  • Tudo bem que a linha 10 está precisando urgente de novos trens, mas não concordo que tem trens sobrando na linha 8 e os que estão sendo usado não são suficientes para a demanda. Tem conta errada aí ou estão fazer politicagem.

    • O problema é que a linha 8 Diamante não tem CBTC e só comporta 20 trens no horário de pico, sendo que a linha possui 36 trens. Por questões contratuais com a CAF essa sobra não poderia ser usada em outros ramais. Pelo visto essa regra foi revista, por que era inviável ter essa sobra enquanto outros ramais estão deficitários.

Publicidade

Anúncios