CBTU

Metrô de BH pode ser estendido em contrapartida de concessão de ferrovias

O Metrô de Belo Horizonte poderá ser expandido em contrapartida da renovação da concessão de ferrovias, de acordo com o deputado federal Diego Andrade (PSD).

“Esta é uma questão histórica e que as pessoas ficam muitas vezes desacreditadas devido à falta de recursos. Mas teremos a renovação de concessões das ferrovias brasileiras e a maior parte está em Minas Gerais. Vamos conversar para que possamos exigir, como contrapartida da renovação, a execução da ampliação da linha até o Barreiro”, disse o parlamentar.

Uma audiência pública será realizada na próxima quinta-feira, 11 de abril, e contará com ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, e do prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil. “A presença do Kalil é muito boa, pois ele é incisivo e faz uma boa administração e é um assunto direto pra BH. Temos uma oportunidade única de viabilizar um dos gargalos que a bancada é tão cobrada que melhorará o trânsito para os belo-horizontinos e mineiros”, conta Diego.

Há projetos da Companhia Brasileira de Trens Urbanos – CBTU para a ampliação do meio de transporte, que corresponde a Linha Dois do metrô de BH, ligando a região do Barreiro ao Calafate.

Obras foram iniciadas em, 1998, mas paralisadas em 2003, permanecendo assim até hoje.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!