Metrô SP Agora

Tumulto na estação Paulista do Metrô nesta quinta-feira (14)

Atualizado às 10h44

Passageiros relatam tumulto e correria na estação Paulista, da Linha 4-Amarela, no túnel de interligação com a estação Consolação da Linha 2-Verde, na manhã desta quinta-feira, 14 de março de 2019.

A operação nas linhas, no entanto, não foi afetada, segundo a concessionária ViaQuatro e o Metrô de São Paulo. Viaturas da polícia foram chamadas para ocorrência.

Vinte pessoas precisaram de atendimento médico, sendo que onze passageiros tiveram ferimentos leves e mais 9 também foram atendidos em crise nervosa.

Segundo a ViaQuatro, uma cadeira de roda teria ficado presa na esteira rolante, causando barulho, que por sua vez, causou pânico nos passageiros. Confira nota na íntegra:

“A ViaQuatro informa que, entre 7h06 e 7h09 da manhã de hoje, 14, houve um princípio de tumulto em razão do barulho causado por uma cadeira de rodas que travou na esteira rolante durante a transferência entre as linhas 2-Verde e 4-Amarela. A concessionária informa que realizou o atendimento a 20 usuários, 11 deles com ferimentos leves e nove com crise nervosa, estes últimos liberados após se acalmarem.

Dos feridos, todos receberam os primeiros socorros dos agentes da ViaQuatro nas estações Paulista, Oscar Freire, Pinheiros e São Paulo-Morumbi. Três deles foram atendidos nas estações Paulista e Oscar Freire e encaminhados à Santa Casa, um passageiro foi atendido na estação Pinheiros e encaminhado ao hospital da Lapa, e outro atendido na estação São Paulo-Morumbi e encaminhado ao hospital Bandeirantes.”

Relatos nas redes sociais davam conta de passageiros machucados:

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

comentários

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • Eu estava com a minha filha no metro, na linha amarela (Paulista), nos apavoramos quando entraram pessoas de fora gritando algo que não identificamos o motivo, logo saímos seguindo o fluxo, depois que ouvimos que eram tiros vindo da linha verde, esperamos o próximo metro, entramos e descemos na estação seguinte.
    Foi horrível, momento de muito pânico, demoramos pra entender o que estava acontecendo, presenciamos pessoas passando mal, perdendo pertences e calçados e sem saber o que fazer ou onde se esconder. Espero não passar novamente por um momento como esse.

  • Por volta das 7:05 eu desci do vagão da linha verde na consolação para atravessar e sair pela estação paulista. Ao sair do vagão eu já estava ouvindo muitos gritos, pessoas ainda pulando para fora da esteira e outras sendo socorridas com ferimentos! Desde a esteira ao sair da linha verde até o acesso para linha amarela tudo estava parecendo cena de filme! Pessoas caídas no chão chorando e machucadas, pessoas na escada rolante machucadas, as barras de separação no corredor estavam todas caídas, com sangue no corredor, sapatos, chaves, pertences em geral!
    Os funcionários do metrô estavam aparecendo para socorrer as pessoas e nenhum sabia informar o que tinha acontecido!
    Uma cena triste de se ver…

Publicidade

Assuntos

Cadastre-se em nossa newsletter!