Governo de SP deve receber US$ 296 milhões para Linha 17

O Banco de Desenvolvimento da América Latina deve liberar aprovar nesta terça, 4, a liberação de um empréstimo de US$ 296 milhões ao Governo do Estado de São Paulo destinados a linha 17 – ouro, do Metrô, que será operada por monotrilho.

A operação, caso confirmada terá a garantia soberana (aval do Tesouro Nacional).

O primeiro trecho da linha 17, que ligará o Aeroporto de Congonhas à estação Morumbi, da linha 9 – esmeralda, da CPTM, deveria ter sido entregue em 2014. A previsão agora é final de 2019 porém será muito difícil que seja cumprida.

Quando pronta, a linha será administrada pela concessionária ViaMobilidade.


Autor: Caio Lobo

Ler todos os posts

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.