Metrô Rio

Tribunal de Contas nega suspender concessões do Metrô Rio

Quarta-feira – 18h43

Foi negado o pedido do Ministério Público de Contas que solicitava a suspensão das concessões de todas as linhas do metrô do Rio de Janeiro. O conselheiro Marcelo Verdini Maia, relator do processo no Tribunal de Contas do Estado (TCE-RJ), votou pelo indeferimento da medida cautelar e determinou que o processo seja anexado à auditoria que já está em andamento, o que significa que até o fim dessa apuração, a representação do MP pode ter o mérito novamente julgado.

Os procuradores alegavam que havia um monopólio; superfaturamento de R$ 2,3 bilhões na construção da Linha 4; entre outras questões.

Em um comunicado à imprensa, o MetrôRio informou que é a concessionária das linhas 1 e 2 do sistema metropolitano do Rio de Janeiro, desde 1998. A operadora também alega que desde 2009 é controlada pela Invepar, e que está em dia com todas as suas obrigações contratuais e é aprovado por 95% de seus clientes.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Cadastre-se em nossa newsletter!

Cadastre-se em nossa newsletter!