CPTM Metrô SP SPTrans

Governo de São Paulo quer mesma data para aumento da tarifa do Metrô, CPTM e ônibus em São Paulo

O Governo de São Paulo quer que a data do aumento da tarifa do Metrô e da CPTM seja no mesmo dia dos ônibus municipais de São Paulo.

De acordo secretário estadual dos Transportes Metropolitanos, Jurandir Fernandes, a unificação facilitaria a adaptação do sistema de cobrança, dividido entre os governos municipal e estadual. “Quando você muda uma tarifa, tem que mudar toda a composição do Bilhete Único, tem que mudar a composição das integrações. Aí, se uma semana depois vem o outro e aumenta, faz tudo isso de novo, a população fica mais penalizada”, afirmou.

No entanto, a prática ainda depende de acordo com a prefeitura de São Paulo: “vamos ver como eles (prefeitura) se querem compatibilizar isso”, diz Jurandir.

Preço da passagem

O secretário estadual evitou falar em quanto pretende reajustar a passagem dos usuários do metrô e do trem, que hoje custam R$ 3, o mesmo preço do tíquete dos ônibus da São Paulo Transporte (SPTrans). “Eu não conversei com o governador ainda. Estamos sempre nos preparando para, quando o governador solicitar, termos todos os dados.”

Mas, o reajuste poderá ficar um pouco abaixo da inflação, como aconteceu em anos anteriores, de acordo com Fernandes. “O ano passado, inclusive, por questões de arredondamento, o valor da tarifa seria R$ 3,06. Nós resolvemos fixar em R$ 3. Então, trabalhamos também ajustados com a inflação.”

Não existe tarifa definida para os ônibus de São Paulo gerenciados pela SPtrans, todavia especula-se que a passagem aumente para R$ 3,30. Reveja postagem.

Por Renato Lobo

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios