Metrô SP Monotrilho

Alckmin pede retirada da linha 17-ouro da Matriz de Responsabilidade da Copa

Conforme já noticiamos, a linha 17-ouro do Metrô, prometida como uma das obras de mobilidade urbana da Copa para São Paulo, não será entregue a tempo do Mundial.

Agora, o Governo de SP já solicita à Brasília que retirem o projeto da Matriz de Responsabilidade da Copa. Com a retirada, as obras do monotrilho perderá R$ 1,082 bilhão em recursos federais de uma linha especial de financiamento da Caixa Econômica Federal criada exclusivamente para financiar obras de mobilidade urbana para a Copa.

O pedido da retirada é uma manobra do Governo paulista para que a obra não fique sem financiamento da União. Assim, o governo paulista pode pedir outra linha de financiamento ao Ministério do Planejamento. De acordo com a pasta, a obra, assim que retirada da Matriz oficialmente, pode ser financiada com recursos do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) Mobilidade.

A linha 17-ouro deve ter sua primeira etapa entregue no segundo semestre de 2014 e ligará o Aeroporto de Congonhas à estação Morumbi, da linha 9 da CPTM.

Por Caio Lobo | Imagem de Marcio Staffa

Sobre o autor do post

Caio Lobo

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios