CPTM

Expresso Leste em Mogi? Só em 2015!

Prometido anteriormente para 2012, depois 2013, agora a CPTM já admite que existe grandes possibilidades da ampliação do serviço ser concretizado apenas em meados de 2015.

Segundo o presidente da Companhia, Mário Bandeira, problemas judiciais de desapropriação de imóveis na cidade e também de atraso nas obras em Ferraz de Vasconcelos, adiaram as melhorias para 2014.

“Além da reforma das Estações na região há a questão da compra dos trens. Não tenho o cronograma completo da Secretaria de Transportes Metropolitanos (STM), mas sei que muitos trens novos, inclusive os que virão para a região, devem ser entregues em 2014. Além disso, há uma questão peculiar em Suzano que precisa ser resolvida que é das desapropriações”.

“Há uma discussão judicial em trâmite, entre a qual, se o processo deveria ocorrer apartado da discussão comercial. Então, se isso não se prolongar muito e os trens forem entregues no prazo estabelecido, o Expresso deve vir a Suzano entre 2014 ou 2015, depois será Mogi”, afirmou o presidente da CPTM.

“Suzano é a primeira fase. Nós queremos completar (tudo) até 2014. Esse esforço de trazer o trem até Suzano não é pouco porque a distância aumentou em 18 quilômetros (36 quilômetros com ida e volta). Para isso, compramos nove trens a mais para manter a frequência. Cada trem de oito vagões custa R$ 30 milhões. São R$ 270 milhões de investimentos só. O próximo passo é fazer com que chegue a Mogi”, disse Bandeira.

Por Renato Lobo

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios