Mobilidade Urbana Monotrilho

Prefeitura vai investir R$ 2,32 BI, grande parte para o transporte individual

Mesmo com a escassez de projetos que dão prioridade ao transporte público, a prefeitura continua tocando de vento em polpa os projetos que visam o transporte individual. Um novo anel viário sobre o Rio Pinheiros ligando os bairros de Santo Amaro e Panamby, um túnel de 2,4 km do Brooklin até a Rodovia dos Imigrantes, a remodelação da Avenida Chucri Zaidan estão em um pacote de obras cujos contratos foram firmados ontem pela Prefeitura. No total, elas custarão R$ 2,32 bilhões e incluem também a maior remoção de favelas da história da cidade – 16 ocupações onde hoje vivem 40 mil pessoas vão desaparecer.

De acordo com a Agência Estado, a maior obra das duas gestões do prefeito Gilberto Kassab (PSD) será executada a partir do ano que vem pelas cinco maiores empreiteiras do País. Os nomes das empresas vencedoras dos cinco lotes da megaobra foram divulgados ontem: OAS, Odebrecht, Andrade Gutierrez, Queiroz Galvão e Construbase Engenharia.

Mas, alguns moradores da região já se mostraram contra a obra por considerá-la uma ameaça a uma das poucas áreas verdes que restam na região, uma vez que as alças ficarão sobre parte do Parque Burle Marx. Para todas essas mudanças na região, a Prefeitura calcula que será preciso desapropriar 117 imóveis residenciais e 65 imóveis comerciais, incluindo postos de gasolina, casas e prédios residenciais.

Monotrilho do Morumbi

O prefeito Gilberto Kassab (PSD) enviou à Câmara um projeto de lei para desapropriar imóveis de quatro ruas da região do Morumbi para que seja implantado o segundo trecho da avenida Perimetral, que ligará a marginal Pinheiros à avenida Eliseu de Almeida.

A via terá duas faixas em cada sentido e um canteiro central. Sobre ele, será construído o elevado onde vai passar o monotrilho, que ligará o aeroporto de Congonhas ao Morumbi e ao Jabaquara.

Serão desapropriados imóveis nas ruas Senador Otávio Mangabeira, João de Castro Prado e Dona Mariquita Julião e na avenida Jules Rimet. Ainda não se sabe quantos imóveis terão de ser desapropriados.

O segundo trecho da avenida Perimetral, de cerca de 2 km, vai ligar a rua Flávio Américco Maurano à praça Roberto Gomes Pedrosa.

A Perimetral faz parte de um projeto amplo, com três trechos. O primeiro margeia a favela de Paraisópolis e deve ser entregue em 2012. O segundo deve ficar pronto em 2013.

Por Renato Lobo, com as informações de Agência Estado

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!