Metrô SP

Metrô espera que movimento na estação Sé caia 20% no próximo mês

Com as inaugurações da Estações Luz e República da linha 4 – amarela, o Metrô espera que os passageiros sentirão menos desconforto no próximo mês, na parada mais movimentada do sistema, a Sé. Segundo a companhia, serão 20% a menos de passageiros na integração da linha 1 – azul e 3 – vermelha.  


Em outras palavras, seria como se um a cada cinco usuários que hoje utilizam a estação deixasse de passar por lá e migrasse para a Linha 4. O mesmo é esperado nas Estações Paraíso e Ana Rosa, que fazem a integração entre as Linhas 1-Azul e 2-Verde. Na Estação Consolação, que liga as Linhas Verde e Amarela, o fluxo que aumentou 68% nos últimos meses, agora deve cair 33%, segundo o Metrô. A quantidade de passageiros da Linha 4, por outro lado, deve subir quase quatro vezes – de 190 mil pessoas por dia para cerca de 700 mil.


“A sobrecarga no metrô de hoje se origina na falta de outras linhas. A abertura de novos trechos, como a Linha Amarela, vai reduzindo a concentração de pessoas nos ramais já existentes, principalmente onde há baldeação, pois as pessoas encontram outros caminhos para seus trajetos”, avalia o professor de Engenharia Creso de Franco Peixoto, da Fundação Educacional Inaciana (FEI), em entrevista ao Estadão.



Renato Lobo é Técnico em Transporte Sobre Pneus e Transito Urbano.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios