Divulgação Marcopolo
Ônibus

Após pandemia, operadores de ônibus entram de cabeça nas vendas digitais

Com a pandemia e o “novo normal”, setores da economia mudaram a forma de atuar, e com o setor de transporte rodoviário não foi diferente.

Segundo dados recentes da Abrati – Associação Brasileira das Empresas de Transporte Terrestre de Passageiros, 96% das operadoras regulares do setor de transporte rodoviário de passageiros possuem mais de um canal de venda digital.

“O digital avançou de maneira acelerada nos últimos anos, principalmente por conta da pandemia. Atualmente as empresas do setor rodoviário possuem diversos pontos de vendas digitais exclusivos para aquisição de passagens. Isso inclui websites, aplicativos, chats online, e-mails, whatsApp e as redes sociais das viações, além de parcerias com marketplaces para venda de passagens”, afirma Letícia Pineschi, porta-voz da Abrati.

A executiva conta que o perfil do consumidor mudou. “Esse movimento fez com que as viações embarcassem de vez no mundo online. “Tudo isso representou um ganho de competitividade que está chegando aos usuários na forma de facilidade de serviços e ofertas de promoções de passagens”.

 

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios