Adão de Souza/PBH
Ônibus

Belo Horizonte terá corredor de ônibus na Avenida Amazonas

A Prefeitura de Belo Horizonte foi enquadrada pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado, como beneficiária em uma operação de crédito de US$ 80 milhões com o Banco Mundial (BIRD).

De acordo com comunicado da administração municipal, os recursos serão aplicados em obras de mobilidade urbana na avenida Amazonas, com a implantação do corredor de ônibus, e melhorias na região da Cabana do Pai Tomás. No total, estão previstos US$ 100 milhões para investimentos na cidade, sendo US$ 80 milhões relativos ao financiamento e US$ 20 milhões do município.

Vitória para Belo Horizonte! O Senado aprovou a contratação de operação de crédito no valor de 80 milhões de dólares para intervenções que faremos na Avenida Amazonas para melhoria no transporte público”, afirmou o prefeito Fuad Noman.

A prefeitura estuda o tratamento prioritário para o sistema de transporte público e coletivo por ônibus que atende ao Vetor Oeste de Belo Horizonte e da Região Metropolitana, as regiões Central, Oeste e Barreiro, tendo por eixo estruturante a Avenida Amazonas. Serão criadas faixas exclusivas para o transporte coletivo e adequação de várias vias transversais, abrigos para pontos de ônibus e readequação de calçadas com foco na acessibilidade, em uma extensão aproximada de 24 km.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios