Ônibus

Volvo apresenta novo ônibus elétrico “BZL”

A Volvo Buses informou o lançamento de seu novo chassi elétrico Volvo BZL Electric. De acordo com Anna Westerberg, Presidente da Volvo Buses, o novo produto segue tendência mundial na sustentabilidade aplicada nos transportes coletivos.

“Estamos comprometidos em liderar a transformação de nossa indústria em direção a um futuro mais sustentável. Com o lançamento do novo Volvo BZL Electric, nossa ambição é oferecer o sistema de ônibus elétrico mais responsável do planeta, com foco em sustentabilidade, segurança e confiabilidade,” diz Anna Westerberg. “Com o novo Volvo BZL Electric, oferecemos uma plataforma global para transportes públicos limpos, silenciosos e com eficiência energética para atender à crescente demanda em mercados que já estão prontos para mudança para a eletromobilidade,” afirma.

O Volvo BZL Electric traz um trem de força totalmente desenvolvido pela fabricante. O motor elétrico de 200 kW é acoplado a uma transmissão automatizada de duas marchas. Isto aumenta o torque nas rodas a baixas velocidades e atenua os picos de corrente, reduzindo o consumo de energia e sustentando a saúde do motor e das baterias. O trem de força pode ser configurado com uma ou duas unidades motoras, gerando potências de nada menos do que 540hp. Isto dá ao Volvo BZL Electric grande capacidade para vencer subidas, com uma operação sempre rápida e confortável.

Flexibilidade de recarga

O produto foi projetado para flexibilidade de recarga, tanto para carga de rápida de alta potência (OppCharge), como carga lenta (CCS) na garagem. A Volvo Buses também oferece um compromisso de energia utilizável, garantindo uma quantidade acordada de energia para a operação e eliminando preocupações dos clientes com as baterias.

Comprimento do chassi:
11.815mm (piso único), 10.585mm (dois andares);

Trem de força:
Motor elétrico, potência máxima um/dois motores: 200/400 kW piso único), 200 kW (dois andares);

Caixa de marchas:
Transmissão automatizada Volvo com 2 velocidades;

Recarga:
OppCharge, potência máxima: 300 kW. Combo2/CCS, potência carga máxima 150 kW;

Capacidade armazenagem de energia:
até 470 kWh.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios