Renato Lobo | Via Trolebus
CPTM

People Mover do Aeroporto de Guarulhos terá frota de três trens

O Governo Federal, por meio do Ministério da Infraestrutura, assinou nesta quarta o termo aditivo que viabiliza a construção de um people mover no Aeroporto de Guarulhos, entre a estação da Linha 13-Jade da CPTM e os três terminais de embarque. As obras devem começar em janeiro de 2022 e durar 24 meses.

A pasta divulgou um novo comunicado que dá detalhes sobre frota e extensão: Serão 2.731 metros de extensão, contará com três veículos para 200 usuários cada. Eles contam com espaço para acomodar bagagens, equipados com ar-condicionado, wi-fi, som ambiental e painel de informações conectado ao aeroporto.

Trajeto people mover | Fonte: Governo do Estado de São Paulo

Cada uma das composições terá dois carros, conhecidos tecnicamente como Automated People Movers (ATM), fabricados e integrados pela Marcopolo Rail. A tecnologia empregada será do Aeromóvel, presente em Porto Alegre. Um tipo de trem que á tracionado a ar.

Com zero emissão de poluentes, o People Mover também beneficiará o meio ambiente: a redução no número de veículos circulando nas imediações do aeroporto diminuirá, consequentemente, a emissão de CO2 e dos congestionamentos verificados na região.

O veículo foi totalmente projetado, calculado e equipado seguindo os mais rigorosos padrões da indústria de APMs determinados pela norma ASCE 21-13 (Automated People Mover Standard), utilizando componentes de fornecedores consagrados do setor metroferroviário em subsistemas críticos como gangways, sensores, coletores de energia, portas de serviço, molas da suspensão secundária, rodeiros, freios e outros.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

1 comentário

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • Vai ser super confortável o passageiro ter que sair da CPTM cheio de malas e trocar para esta gambiarra. Acho que ainda dá tempo de cancelar isso e colocar estações da CPTM nos terminais.

Publicidade

Anúncios